Amigo da Alma Rotating Header Image

III Grau

III GRAU: RITOS XAMÂNICOS (elemento TERRA)

O golfinho de cor branca, associado ao elemento terra, é selo do III Grau da Psicoterapia do Encantamento, que se traduz pelas Sessões Xamânicas com Plantas de Poder.

Presto aqui homenagem ao Império Inca, cuja bandeira, chamada Whiphala (termo proveniente da língua Aymara que se pode traduzir por ‘sonho feliz’ ou ‘alegria do sonho’ – eiphay é uma expressão de alegria, e phalax, o sonho de portar uma bandeira, ou ainda, a alegria de se ter uma missão). A Whiphala é um todo quadriculado formado por 49 (7×7) quadrados coloridos, a representar a imensa variedade da natureza (também humana) pelas 7 distintas cores do arco-íris que compõem esta bandeira. Escolhi assim o branco para este grau, ele próprio fusão de todas as cores possíveis, também como metáfora pela qual podemos expressar que justamente nas diferenças étnicas é que reside a maior riqueza da espécie humana, já que cada indivíduo se complementa e se identifica por espelhar-se em seus semelhantes. As culturas andinas têm a Terra (Pachamama) como mãe sagrada; respeitam-na sabiamente e valem-se de plantas de poder para alcançar estados ampliados de consciência consoante os quais podem mais profundamente perceber as leis do coração.

Por isso o 3o golfinho acha-se em sentido ascendente, em oposição ao golfinho laranja, visto que provém de nossas absconsas profundezas, trazendo à consciência os potenciais que jazem em nosso interior e que cobram ser assimilados para que o psiquismo se reconheça como um todo.

O III Grau do Encantamento recebe nítida influência da cosmovisão andina, a qual venho paulatinamente assimilando desde 1996, ano em que se deu meu primeiro contato pessoal com um médico e sacerdote jampiri, de etnia quetchua (nome também da língua que unia todo o Império Inca), mestre este que me iniciou nos mistérios da Ayahuasca e da Uachuma, muito embora eu já viesse comungando da Ayahuasca desde 1990 em Igrejas que se valem deste mesmo sacramento, e às quais sou eternamente grato, muito embora, dado ao meu espírito libertário, nunca tenha me filiado a nenhuma delas.

O III Grau do Encantamento é celebrado ritualisticamente em roda de cura xamânica, em torno do fogo sagrado. Nosso Rito assume caráter iminentemente iniciático, nesse particular inspirado sobre as bases esotéricas da Escola Pitagórica. Focado na cura arquetípica da alma, nossos ritos estão estritamente centrados numa espiritualidade sem dogmas nem doutrinas. Tal ritualística envolve ainda o Batismo pelo Fogo de cada neófito, durante o qual se desenvolve, sempre que possível, uma História da Mitologia Pessoal que, em seu caráter simbólico, traduz os temas de vida e de cura de cada um dos candidatos aos Mistérios do III Grau da Psicoterapia do Encantamento.

_____________________________________________________

Para saber mais a respeito, acesse: ‘Psicoterapia do Encantamento, seus Fundamentos, seu Símbolo e seus Arquétipos’.