Amigo da Alma Rotating Header Image

Posts under ‘Sonetos’

Libra

LIBRA Em mim todo o Universo se equilibra; sou Libra, do Zodíaco a balança. Meus pratos? Eu e o Outro: eterna dança sensível que entre estrelas se calibra. Eu sou dos matrimônios a aliança, sou Vênus da beleza nua em fibra, sou música de acordes que a alma vibra à imagem da divina semelhança. De […]

Virgem

VIRGEM Em Virgem sou Tomé, olhos acordem! Trago o Cosmos na ponta de meu dedo, que o detalhe é maior em seu segredo e os cães são tão mais cães se a cauda mordem. Em Virgem sou vertigem e sinto medo se há Caos por toda casa e só desordem, mas não desço do salto, […]

Leão

LEÃO Meu Brasão é um Sol d’Ouro e um Leão Rampante magnânimo em si mesmo e coroado: sou Rei que só deseja ser amado, por isso me exaspero em ser amante. Eu crio, eu dramatizo, eu persuado; sou núcleo de todo e qualquer quadrante, sou fogo das paixões, felino errante, garras e dentes se desafiado. […]

Câncer

CÂNCER Sou lastro da Samsara, seus pilares, meu ventre traz memórias ancestrais, sou útero de histórias pessoais, baú das tradições leis familiares. Tal qual o caranguejo anda pra trás, eu busco nos passados estelares meus sonhos que, emoções em sete mares, fabricam-se em couraças samurais. Mas quando eu deixo a velha carapaça, e cresço em […]

Doença e Cura

Publicado na Revista Mirante, edição #89 – (a mais antiga Revista Literária alternativa brasileira, que neste ano de 2015 completa 33 anos ininterruptos de existência) A DOENÇA Havia uma mandala só de espinhos tornando intransponível um coração, castelo indevassável, um só porão, masmorras, calabouço e descaminhos. Chamou-se logo um médico-artesão, quiçá salvar pudesse os passarinhos que […]

Gêmeos

GÊMEOS Meu astro é mensageiro, eu comunico, eu ligo a Terra aos Céus e de alto a baixo sou ponte, no ir e vir sempre me encaixo, barroco entre contrastes me fabrico. Binômio em Luz e Trevas, eis meu eixo: yin-yang…, morte-vida…, saio ou fico? Na dúvida da escolha eu me duplico, oh…, quanta indecisão! […]

Touro

TOURO Sou Touro da abundância em concretude, na terra deposito a confiança. Meus pastos? Mansidão… perseverança… Sem pressa regurgito em plenitude, medito – e a sós credito-me em finanças. Teimoso, um obstinado em solitude, eu cravo os quatro cascos no Talmude, conservo as Tradições, sábias bonanças. Eu vivo as sensações, quero os prazeres, sou Baco […]

Áries

ÁRIES Carneiro do Equinócio eu abro as portas do Templo do Zodíaco ancestral; acendo a pira alquímica vestal e levo à ebulição 12 retortas. Compreendo o que me dizem as pedras mortas, decifro o seu silêncio divinal, sou o mago das sementes-potencial, sou o ímpeto em ascese dando voltas. Meu pulso são tambores de deus […]

Peixes

PEIXES Sou Pisces, cumpro os ciclos da Samsara, humilde sou eu mesmo e sou cardume, do imenso e mais profundo eu sigo o lúmen nadando em compaixão de águas claras. Netuno é nosso Pai e a nós reúne à Lei de seu Tridente em missões para: 1) doarmo-nos às postas, ceias raras, 2) às almas […]

Aquário

AQUÁRIO Eu sou o paradoxextraordinário: sou filho de Saturno em disciplina, também filho de Urano que fascina e torna imprevisível eu ser Aquário. Sou Tábua de Esmeralda estrela acima que embaixo faz de mim ser missionário; sou para a humanidade um operário, respiro o coletivo que me anima, Sou átomo explosivo em cibernética, o pioneiro […]

Capricórnio

CAPRICÓRNIO De mim, metade é peixe e a outra é cabra; mergulho solitário nos meus mares conquanto eu galgo os altos patamares das montanhas que eu traço; abracadabra, sou o mago dos mistérios estelares. Introspecto e rumino, eis minha lavra: dos ossos tiro a seiva da palavra; Saturno de emoções radiculares, transmuto o chumbo em […]

Mentirosamente

MENTIROSAMENTE Por mais trabalhe a mente ela só mente, por mais seja complexa em artimanhas, a mente tece teias, cresce aranhas, faz redes enlaçadas por serpente. Por mais lucubre a mente e faça manhas, mais alto o edifício se apresente, maior o seu intento a enganar gente, no fundo, a mente é a cega das […]

Sagitário

SAGITÁRIO Metade pó, metade divindade, sou fogo e sou carbono, este é meu sal; conviva do banquete e comensal, sou barco que navega entre a saudade e os mares de bonança ou vendaval. Sou dor, sou chaga viva em soledade, sou nervo à flor da pele e humanidade, ferida a purgar sempre o bem e […]

Transvitação

TRANSVITAÇÃO Quem saberá dizer se além da morte sobrevive a consciência, persiste a alma? Que restará de nós depois do trauma da foice que a todo ego impõe seu corte? Que diz o M gravado em nossas palmas? Mistério Metafísico mais forte, nas linhas se desfiam a vida e a sorte, os mares mais bravios […]

Arqueiro Zen

“Um jovem monge, certa vez, foi ter com mestre Gensha a fim de descobrir onde era a entrada do caminho que leva à Verdade. Ao saber de sua intenção, Gensha, que meditava profundamente, abriu os olhos, sorriu e perguntou a seu visitante: ‘Estás a ouvir o murmúrio do regato?’ ‘Sim, mestre, ouço-o bem’, respondeu o […]

Jaguar dos Maias

Alan, confrade de Ordem, desta vez não me acompanhava. Aproveitara-se do recesso prolongado de fim de ano para compor sua monografia a respeito de ‘Fausto’, de Goethe (1749-1832), obra alquímica que há anos vem estudando, pelo que se isolara numa pousada em meio a cascatas cristalinas, aos pés do Vale do Matutu, nas Gerais. ‘Faz-se […]

Merecebimento

Sim, somos todos heróis da própria jornada, mas isso nada tem a ver com revolucionar o mundo, salvar o planeta de ameaças alienígenas, ou sair voando por aí com uma capa azul amarrada às costas; menos ainda devemos crer que a salvação de nossas almas dependa de ações mirabolantes e megalomaníacas de deuses ou heróis […]

A Pedra

Perguntávamos àquela noite a Christiano Sotero qual a natureza última da Pedra, em que se resumia, cabalmente, o arcano segredo do Lapis Philosophorum, esse mercúrio redivivo dos alquimistas que nosso mestre, particularmente, denomina Pratalíquis. Escorreito metal, melífluo e corredio, volátil e pressuroso, que a tantos sopradores de vidro custou-lhes a vida ou a saúde, que a […]

Alquimia Clínica

Entendo que nenhum médico deva crer-se capaz de curar quem quer que seja nem doença alguma por si só. Em verdade, mais favorecemos as curas quanto menos atrapalhamos seus processos naturais. Por isso deve o médico, canal das mesmas, mero regente da divina partitura à sua frente colocada, manter seu báculo em fina sintonia com a […]

Dracolfinhos

DRACOLFINHOS Noite fria de 14 de agosto. Entusiasmados com a explosão de Nova Dolphi, conforme anunciada pelo astrônomo amador japonês Kiochi Itagaki, Alan e eu, aficionados pelos segredos do céu, corremos ter com nosso mestre, que nos recebeu em sua casa de pedra. — Estamos decididamente vivenciando a hora e a vez dos golfinhos, nossos […]