Amigo da Alma Rotating Header Image

Posts under ‘Christiano Sotero’

N.N.D.N.N.

N.N.D.N.N.  Pois, o ego, essa matéria em pedra bruta, depois de calcinado vezes quantas requer ser dissolvido em outras tantas, eis o alquimista entregue à sua labuta. Que o solve et coagula é a sábia Planta, que em onda e varredura assaz arguta, banhando-nos com fogo o Rei transmuta na força da Rainha sacrossanta. São [...]

Cosmicalquímico

Em meus preparativos para o próximo curso de Alquimia a ser ministrado, ontem mesmo visitei o mestre em sua casa, e estivemos por algumas horas conversando ao pé do fogo que ele mantém diuturnamente aceso em seu laboratório-biblioteca. Privilégio o meu tê-lo conhecido ainda em minha adolescência, era o ano de 1978. Desde então, nossa [...]

Amor Filosofal

AMOR FILOSOFAL “Porque o que eu oculto está à mostra; tão evidente que olhos profanos jamais o reconhecerão”. (Christiano Sotero) São 7 as minhas pedras, 12 os signos, e 2 os meus caminhos, seco e úmido; oculta no Mistério de além-túmulo, eu sou a arte dos sábios fidedignos. Se queres penetrar meus ramos túmidos, colher [...]

Da Natureza dos Símbolos

Dia de Reis, sexta-feira, Alan e eu fizemo-nos presentes ao laboratório de mestre Sotero para a preleção preparatória à próxima Iniciação de Grau em nossa Ordem. Fazia tempo não via meu confrade, última vez que ambos estivemos em oração e serviço na casa do mestre era ainda o ano de 2013, quando passamos noite toda [...]

Esses Homens de Asas

(Texto de Christiano Sotero *, publicado na Revista Nova Consciência #2, novembro/2007) A principal máxima de toda a alquimia encontra-se gravada na Tábua de Esmeralda**, datada de Idade Antiga incerta: ‘Assim como é em cima, é embaixo; assim como é embaixo, é em cima; para perpetuar o milagre de uma só coisa’. Tal ideia nos [...]

Jaguar dos Maias

Alan, confrade de Ordem, desta vez não me acompanhava. Aproveitara-se do recesso prolongado de fim de ano para compor sua monografia a respeito de ‘Fausto’, de Goethe (1749-1832), obra alquímica que há anos vem estudando, pelo que se isolara numa pousada em meio a cascatas cristalinas, aos pés do Vale do Matutu, nas Gerais. ‘Faz-se [...]

A Pedra

Perguntávamos àquela noite a Christiano Sotero qual a natureza última da Pedra, em que se resumia, cabalmente, o arcano segredo do Lapis Philosophorum, esse mercúrio redivivo dos alquimistas que nosso mestre, particularmente, denomina Pratalíquis. Escorreito metal, melífluo e corredio, volátil e pressuroso, que a tantos sopradores de vidro custou-lhes a vida ou a saúde, que a [...]

Dracolfinhos

DRACOLFINHOS Noite fria de 14 de agosto. Entusiasmados com a explosão de Nova Dolphi, conforme anunciada pelo astrônomo amador japonês Kiochi Itagaki, Alan e eu, aficionados pelos segredos do céu, corremos ter com nosso mestre, que nos recebeu em sua casa de pedra. – Estamos decididamente vivenciando a hora e a vez dos golfinhos, nossos [...]

Leviathan

Extenso manuscrito com ilustrações em nanquim, delicadamente trabalhadas a bico de pena pelo próprio mestre, o ‘Bestiário Alquímico’ de Christiano Sotero mais me surpreende a cada vez que lhe abro aleatoriamente algumas das 666 páginas que o compõem, a fazer saltar seus fabulosos monstros e sonetos mágicos sobre mim. Toda vez que o mestre me [...]

Panterespectro

A Iniciação do Primeiro Portal é experiência que indelevelmente marca a alma de todo neófito. Enfrentei o Espectro era fevereiro de 1978, numa operação ritualística que se arrastou por oito longas e difíceis horas. Durante breve intervalo no rito, finda as primeiras quatro horas de trabalho, chegou-me a notícia de que um de meus tios [...]

Raposáguia

Bestiário Alquímico é obra rara das mais singulares que compõem a extensa sonetoteca de Christiano Sotero, mestre sonetista tanto meu quanto de meu confrade Alan Rodrigues de Carvalho. Seu bestiário abarca distintos universos dos mais incríveis monstros mitológicos, classificados em reinos e famílias, com ilustrações a nanquim e bico de pena pelas mãos do próprio [...]